terça-feira, 4 de agosto de 2009

Vamos retomar os estudos: A expressão "É que"

"É que" pode ser uma partícula expletiva, de realce, em frases do tipo:
Eu é que não vou fazer isso.
Perceba que a expressão "é que" na frase acima, só enfatiza que o sujeito "Eu" não vai fazer isso, essa expressão pode ser retirada do período sem causar prejuízo sintático ou semântico para o período: "Eu não vou fazer isso."
Mas cuidado, pois nem sempre essa expressão é partícula expletiva, por exemplo:
"A verdade é que a dissertação deve ser impessoal", nesse caso o período é composto, a primeira oração é "A verdade é", que é a oração principal, e a segunda oração tem valor de predicativo, "que a dissertação dever ser impessoal", é uma oração subordinada substantiva predicativa, até porque não dá para retirar o "é que" nesse período, pois fica sem sentido e truncada sintaticamente, ficaria: "A verdade a dissertação deve ser impessoal" = sem sentido.
Entenderam? Isso tem caído nos concursos.

2 comentários:

Patria disse...

Bom dia Gabriela, fiquei muito feliz em poder ve-la ontem a noite, tralhando.
Continue sempre assim garota! a certas coisas da vida que não devemos questinonar, mais sim aceitar. Que Deus abençoe a senhora e sua família
beijos
Patricia

Professora Gabriela Pimenta disse...

Muito grata, Patricia, e a todos que estão me dando essa força.